NOTÍCIAS

Portos administrados pelo Governo do Estado apresentam lucro de R$ 67,5 milhões em 2024

Foto: Divulgação / SCPAR Porto de Imbituba

Os portos que são administrados pelo Governo de Santa Catarina apresentaram lucro de R$ 67,5 milhões no exercício contábil de 2023. Os dados foram divulgados na Assembleia Geral Ordinária (AGO) do Conselho de Administração da SCPar Holding, empresa às quais os portos de São Francisco do Sul e Imbituba estão vinculados. O Porto de Imbituba registrou lucro líquido de R$ 37,8 milhões. Já o lucro líquido de São Francisco do Sul foi de R$ 29,5 milhões (cinco vezes maior do que em 2022).

A movimentação histórica de cargas, com 16,8 milhões de toneladas em São Francisco do Sul e 7,7 milhões de toneladas em Imbituba, aliada às práticas de gestão, com prioridade à racionalização de despesas, planejamento e ganhos operacionais, são fatores que contribuíram para esses resultados.

“As administrações dos portos seguiram a orientação do governador Jorginho Mello ao buscar medidas que apresentassem resultados positivos como os balanços estão mostrando. O mais importante é entender que esse lucro é revertido em melhorias para a infraestrutura dos portos e das comunidades nas quais estão inseridos”, afirma o secretário de Portos, Aeroportos e Ferrovias (SPAF), Beto Martins.

“É uma performance que reconhece o esforço dos presidentes dos portos e de suas diretorias que atuaram focados na eficiência, na qualidade e na produtividade e com excelente gestão pública voltada à atividade dos portos. Junto com a diretoria da SCPar, estão de parabéns pelo resultado apresentado à sociedade catarinense”, avalia o presidente do Conselho de Administração da SCPar, Marcelo Werner Salles.

O exemplo de como o lucro dos portos vem sendo aplicados são as obras de recuperação do Berço 201, abertura de novo acesso e investimentos na infraestrutura do Porto de São Francisco do Sul, e as obras de recuperação e reforço do Cais 3, a derrocagem (retirada de rochas submersas) do início do Cais 1, construção de um dolfim de amarração de navios do Porto de Imbituba e revitalização e recuperação do Acesso Sul do município.