NOTÍCIAS

Prefeito autoriza construção de cinco novos residenciais e entrega benefícios de programas habitacionais

A política habitacional da Prefeitura de João Pessoa, colocada em prática desde 2021, vem transformando a Capital e melhorando a vida da população, seja o morador de área de risco, a pessoa com a casa precisando de reforma ou da regularização fundiária. Nesta quarta-feira (3), o prefeito Cícero Lucena, em uma só solenidade, autorizou a construção de cinco novos residenciais, anunciou novas aquisições do programa ‘Compra Assistida’, mais beneficiados do projeto ‘Cuidar do Lar’ e ainda realizou a entrega de escritura de imóveis.

“Isso é o olhar, o cuidar e a ação dos que fazem a Prefeitura de João Pessoa, num item tão importante como o da habitação. Aqui, nós tivemos a regularização fundiária, dando a escritura daqueles que moravam no local há muitos anos, mas não tinham paz e tranquilidade de que poderiam dormir e não acordar com gente tirando ele do seu habitat. Demos ordem de serviço dos novos conjuntos habitacionais, avançando com a compra de imóveis para tirar as famílias de áreas de risco, desabamento, de alagamento, onde a própria pessoa escolhe onde quer morar. Só agradecer a Deus e vê que a equipe toda está engajada no mesmo propósito e fazer João Pessoa cada vez melhor”, afirmou o prefeito.

O vice-prefeito Leo Bezerra disse que o programa habitacional da Prefeitura está presente muito forte em toda cidade, buscando soluções para diminuir o déficit habitacional e mitigar gargalos antigos. Um enfrentamento necessário e jamais visto na gestão pública da cidade. “Eu fico muito feliz estar ao lado do prefeito, ao lado do governador João Azevêdo e ao lado da Câmara Municipal, da Assembleia Legislativa e todos aqueles que estão nos ajudando a construir a cidade que nós tanto almejamos. Eu acho que a população precisa e o poder público está lá, do lado, no momento e na hora que ela mais precisa. Então, tirar as pessoas da vulnerabilidade, reformar as casas, fazer a compra assistida é uma obrigação não só na nossa gestão, mas uma obrigação como cidadão”, destacou.

A secretária de Habitação Social, Socorro Gadelha, ressaltou a visão de futuro da Prefeitura, com planejamento, qualidade dos projetos, alguns premiados a nível nacional, e ainda a parceria com a Caixa Econômica Federal. “Com a contrapartida da Prefeitura, nós vamos ter cinco novos residenciais e uma política habitacional abrangente, que atua em várias áreas. Estamos aqui com a Caixa Econômica e Superintendência do Patrimônio da União vivendo um novo momento”, comemorou.

Residenciais – Os novos residenciais são resultados de projetos desenvolvidos pela Prefeitura e contemplados em editais do Governo Federal, dentro do programa Minha Casa Minha Vida. Serão investidos R$ 560 milhões para a construção do Residencial S II, com 64 unidades no Roger; Das Nações, com 39 unidades no Centro; Residencial Sanhauá, com 108 unidades no Varadouro; Rio Paraíba, com 128 unidades no Alto do Mateus, e Rio Jaguaribe, com 240 unidades no Jardim Veneza.

Compra Assistida – Nessa modalidade, uma solução habitacional para famílias que saíram de suas casas em áreas de risco e estão no aluguel social. A Prefeitura adquire um imóvel, escolhido pelo beneficiado no valor de até R$ 115 mil. O prefeito informou que são 250 famílias no São José, 160 pertencentes ao Complexo Beira Rio e 60 da Comunidade do S, no Roger.

Cuidar do Lar – Essa iniciativa visa melhorar as condições de moradia, garantindo segurança, salubridade e conforto, proporcionando às famílias condições adequadas de habitação, com dignidade. O benefício é garantido com recursos do Município, por meio do Fundo de Desenvolvimento Urbano (Fundurb), criado na atual gestão.

O aposentado Marco Aurélio, do José Américo, foi um dos beneficiados com o programa Cuidar do Lar. “Não tenho palavras para agradecer, porque nem eu e nem minha família tínhamos condições financeiras para arcar com a reforma. Agradecer a Deus e a prefeitura, principalmente ao prefeito Cícero Lucena, porque é algo muito tocante. Muita gente que vive em dificuldade está recebendo essa ajuda”, agradeceu.

Requalificação dos condomínios – Consiste em obras nos empreendimentos já existentes, contemplando imóveis em condições de desgaste. Já são mil unidades beneficiadas em vários bairros da Capital.

Regularização Fundiária – Por meio do Programa Morar Legal, a Prefeitura tem beneficiado famílias de baixa renda, com a entrega de titularidade dos imóveis em áreas antes regulares. Os projetos de Regularização Fundiária abrangem diversos bairros como: Bancários, Mucumagro, Mangabeira, Alto do Céu, Trincheiras, Cuiá, Padre Zé e Manaíra.