FCS Brasil
Notícias [+] Lidas
30/11/2018   

Pauliki confirma mais R$ 8 milhões para a 2ª fase do Instituto do Câncer dos Campos Gerais

Mais uma excelente notícia para Ponta Grossa e dezenas de cidades nos Campos Gerais e no Centro Sul.

Muitas pessoas ainda são obrigadas a se deslocarem até Curitiba no Hospital Erasto Gaertner para tratamento contra diversas formas de câncer.

Com a consolidação do Instituto do Câncer dos Campos Gerais milhares de pessoas e seus familiares serão beneficiadas.


O deputado estadual Marcio Pauliki apresentou oficialmente ao reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Miguel Sanches Neto, e ao vice-reitor Everson Krum, a emenda de R$ 8 milhões para a segunda fase da construção do Instituto do Câncer dos Campos Gerais (ICCG).

O repasse está garantido na Lei Orçamentária Anual do próximo ano. “Estamos confirmando nossa emenda para a segunda fase do ICCG, um passo importante para fortalecer a saúde da nossa região”, afirma Pauliki. O reitor Sanches Neto agradeceu em nome da instituição a luta de Pauliki em prol da saúde pública.

“Nesse momento fala-se tanto dos problemas de saúde no Brasil, todas forças políticas e que defendem a saúde estão se unindo para ampliar o atendimento à comunidade. A Universidade está sempre aberta para esse tipo de projeto”, ressaltou o reitor. A assinatura que oficializou o compromisso do governo do Paraná em liberar este montante foi realizada em julho com a presença da governadora Cida Borghetti.

Idealizador do projeto da implantação do Instituto do Câncer dos Campos Gerais (ICCG), o deputado Pauliki ressalta que essa conquista será fundamental para toda a sociedade. “Conseguimos dar um passo extremamente importante para a consolidação do Instituto do Câncer. Vamos também em paralelo continuar trabalhando para buscar a terceira fase que é a implantação do instituto pediátrico de oncologia em nossa região”, revela Pauliki.

O ICCG irá funcionar no Hospital Regional Universitário dos Campos Gerais, em Ponta Grossa. Com o repasse dos R$ 8 milhões, será viável a expansão do novo Centro Cirúrgico que terá mais 06 salas de cirurgia e adaptação de 25 novos leitos de internamento aumentando de 400 para 1000 cirurgias eletivas por mês em várias áreas, incluindo os tratamentos oncológicos.

Além disso, o montante contemplará a ampliação da Central de Material de Esterilização e ampliação do Centro de Diagnóstico por Imagem. Esse investimento possibilitará tratamentos de quimioterapia e ampliação dos tratamentos de hematologia. “Com o ICCG, os pacientes que realizam tratamento em outras cidades poderão ficar mais próximos de suas famílias.

É preciso termos uma estrutura adequada e próxima da população”, ressalta Pauliki. O deputado também agradece o corpo da direção do Hospital Regional. “Em especial ao Everson Krum, que hoje é vice-reitor da UEPG, e que tem apoiado este projeto de forma incondicional”, completa. (Com assessorias)

No Twitter, Pauliki postou:


REVEJA>>>





ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.



NAVE CHEGA AO 'OUTRO MUNDO'

SÉRIE SOBRE EUA

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

X