FCS Brasil
Notícias [+] Lidas
09/06/2018   

Fachin do STF solta meliantes metidos na mutreta entre sindicatos e Ministério do Trabalho

Esse, o Brasil.

STF soltador e blindador de marginais Lesa-Pátria.

"Presunção da Inocência".

Fachin, que defende o imposto sindical, soltando meliantes comparsas de deputados ladrões metidos na roubalheira no Ministério do Trabalho, junto a sindicatos.


REVEJA>>> Para Fachin, imposto sindical deve ser mantido e descontado direto


VIA O ANTAGONISTA -  Paulo Roberto Ferrari, vice-presidente da Força Sindical e Marcelo de Lima Cavalcante, chefe de gabinete do Deputado Paulo Pereira da Silva, foram soltos pela PF depois de cumprir 5 dias da prisão temporária determinada pelo ministro Edson Fachin, publica o Estadão.

Eles foram alvo na Operação Registro Espúrio e são suspeitos de atuar em busca de influenciar “processos de registro de sindicatos no Ministério do Trabalho de acordo com os interesses do deputado Paulinho da Força Sindical”.


Lembrando que quando a PF deflagrou a Operação Registro Espúrio, pediu a prisão de Roberto Jefferson (PTB), Paulinho da Força (SD) e outros pilantras. Fachin negou os pedidos de prisão, deixando que a PF prendesse apenas os 'comparsas', soltos agora.


RELEMBRE>>>

 





ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.



ECONOMIA X GOVERNO

SÉRIE SOBRE EUA

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

X