FCS Brasil
Eli Corrêa Fernandes
02/12/2014   

'O dia seguinte' das eleições

O dia seguinte à confirmação do resultado da última eleição presidencial no Brasil, neste ano de 2014, no cômputo geral, foi de frustração e estarrecimento.

Nunca houve antes uma eleição tão disputada, tão acirrada, onde um candidato nascido da insatisfação social, nascido dos ventos da esperança de mudança, desfraldando as bandeiras de novos projetos voltados a um país melhor, enfrentou o rolo compressor da máquina pública, toda a gama de calúnias, infâmias e mentiras, o sectarismo de um partido agarrado ao poder central em Brasília há mais de doze anos.

Foi divulgado na imprensa, que nos fundões deste país, carros com alto falante diziam que se Aécio ganhasse acabaria o “bolsa família” etc. e tal. Como dito e propalado pela mídia, o candidato Aécio Neves liderava o apuração do resultado eleitoral até que de repente a situação modificou e passou para o segundo lugar. Disse a mídia que o “bolsa família”  fez a diferença, aumentando em muito a diferença eleitoral pró-Dilma principalmente nos recantos e fundões deste país, onde impera a miséria social. Veja-se que em Belo Horizonte, capital do Estado de Minas Gerais, terra natal do candidato Aécio Neves, o mesmo venceu a eleição, fazendo dois terços dos votos contra um terço, obtido pela candidata da situação, a senhora Dilma. Este candidato venceu a eleição na maioria dos centros mais politizados do país.

No Estado de Pernambuco,  onde a família do candidato falecido Eduardo Campos apoiou irrestritamente o candidato da oposição Aécio, a candidata à reeleição do governo federal Dilma obteve mais de setenta por cento dos votos. No mínimo, intrigante. Foram levantadas dúvidas e mais dúvidas sobre o resultado eleitoral final, mas não havendo provas fundadas, a situação ficou a mesma. Imagino que o gosto de uma vitória como esta é amargo. É muito triste um candidato “reeleito” ficar com medo de receber vaias em eventos públicos. Porém, a vida e a luta continuam.

O candidato da oposição, Aécio, do alto dos seus mais de 51 milhões de votos, é um Senador que merece respeito, e certamente fará por merecer, liderando a representação da sociedade brasileira no Congresso brasileiro, contra o câncer da corrupção nas instituições públicas, e em favor de um país mais decente, desenvolvido, com maiores oportunidades de melhoria de qualidade de vida aos brasileiros, com boa formação profissional, principalmente aos mais miseráveis que ficam reféns da dita “bolsa família”, já rotulado de perverso instrumento eleitoral. Não podemos entregar os pontos. DESISTIR DO BRASIL NUNCA!



COMENTE ESTE E OUTROS POSTS NA FAN PAGE OFICIAL NO FACEBOOK: www.facebook.com/fanpageoficialfolhacentrosul








Advogado inscrito na OAB/PR sob nº 007155, formado pela PUC/PR. Egresso do movimento estudantil secundarista (UPES) e universitário (DCE-Puc, 1o Presidente eleito pelo voto direto - em 1974). Quando universitário, Assessor Especial do Secretário de Justiça do [+]Leia Mais

Arquivos

2016

2015

2014

2013

Mídia Do Povo Brasileiro!

Mídia Do Povo Brasileiro!

×

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

[email protected]

X