FCS Brasil
Notícias [+] Lidas
24/03/2017   

Justiça nega redução do pedágio e prefeitura manda abrir atalho em Goiás

No Brasil é assim, o povo paga oceanos de caríssimos impostos e  pedágios para ter serviços de péssima qualidade em troca.

Desobediência Civil é o caminho em todos os setores.

Atalhos contra todos os pedágios já!

Ou abaixa ou acaba, simples assim.

G1 - Prefeitura de Cristalina, no Entorno do Distrito Federal, reabriu uma antiga estrada de terra que fica paralela ao posto de pedágio da BR-040. Segundo a administração municipal, o objetivo foi oferecer uma alternativa para os moradores da cidade, que têm prejuízos ao pagar a taxa toda vez que precisam se locomover pela região. No entanto, a Via 040, concessionária que administra rodovia, questiona a medida.

A cobrança de pedágio no trecho começou no dia 30 de julho de 2015. No entanto, em agosto daquele ano, a Justiça acatou um pedido da Prefeitura de Cristalina e isentou os moradores da cidade. A liminar foi suspensa e, no dia 24 de março do ano passado, o pedágio voltou a ser cobrado para todos.

Em julho do ano passado, o valor da taxa foi reajustado em R$ 0,20, sendo que os carros de passeio passaram a pagar R$ 4,80. Para os moradores, esse é um valor muito alto para quem precisa passar pelo trecho todos os dias. “A minha empresa fica a 1 quilômetro do pedágio e já teve dia que eu precisei passar por lá 22 vezes”, reclamou o produtor rural Vitor Angelo Girardelo.

A estrada de terra, que tinha sido fechada no início do ano passado, foi reaberta pela prefeitura na semana passada. No dia seguinte, a Via 40 tentou fazer um novo bloqueio, alegando que não são apenas os moradores que estão usando a passagem para burlar o pedágio. Porém, moradores protestaram e impediram esse fechamento. (Foto: Cristiano Borges/O Popular)

====
Aos que às vezes reclamam de palavras fortes, alguns palavrões em nossas opiniões e sempre aparecem com 'mimimis', dizemos o seguinte:
"Sabemos muito bem que a nossa visão das coisas se arrisca a parecer louca: é porque dizemos, rápida e brutalmente o que temos a dizer, da mesma forma que se bate à porta de um dorminhoco quando o tempo urge." (Trecho do livro: "O Despertar dos Mágicos", de Louis Pauwels e Jacques Bergier, 22ª edição, página 93. https://goo.gl/R9Jvq5)
====






ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.



LEI DE MIGRAÇÃO

PAGANDO TERRORISTAS

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

[email protected]

X